Diretor: 
João Pega
Periodicidade: 
Diária

Tiago Castro traz à Mealhada um espetáculo de comédia sem tabus [c/ passatempo bilhetes duplos]


tags: Mealhada, Mealhada, Cineteatro Messias Categorias: Cultura sexta, 04 março 2022

Tiago Castro vai subir ao palco do Cineteatro Messias já no próximo dia 13 de março, domingo, pelas 16h, para o espetáculo de stand-up comedy “Daqui de Baixo” que promete abordar “temas sérios, sem tabus e de forma divertida”. Quem o diz é o próprio, também conhecido como “Crómio” da série “Morangos com Açúcar”, que esteve à conversa com o nosso jornal e desvendou um pouco do que o público vai poder esperar deste momento. 

O Jornal da Mealhada está a sortear dois bilhetes duplos. Saiba tudo no fim do texto. 

 

É a primeira vez na Mealhada?

Na Mealhada mesmo com o espetáculo sim. Já estive nos arredores, mas na Mealhada é a primeira vez.

 

De que se trata este espetáculo?

É um espetáculo de stand-up comedy onde eu falo de uma forma divertida, descomplexada e sem tabus de temas sérios, como a depressão e o preconceito. Tudo falado na primeira pessoa. Portanto, histórias que eu vivi desde a altura da minha adolescência em que era o mais pequeno da escola, até à depressão que eu vivi nos Estados Unidos enquanto tentava alcançar o sonho de ser um ator de sucesso e, ao mesmo tempo, trabalhava como empregado de mesa. Vou contar todas as peripécias que eu passei por lá. Portanto, é um espetáculo que é para divertir e para as pessoas se rirem das minhas tragédias.

 

E como é que surgiu a ideia de abordar esses temas com humor?

Isto tem uma justificação muito simples. Eu sou casado com a Marine Antunes, que é uma palestrante e uma voz muito importante no que toca à sensibilização do cancro por ter passado por isso e pela forma como reagiu e viveu a doença. E tem um projeto chamado “Cancro com Humor”. E eu passei a admirar muito a forma como ela transformava as dores dela em humor. Porque ela acredita, e eu agora também acredito, que o riso é o melhor remédio para ultrapassarmos e superarmos estas dificuldades.

E isso foi a minha alavanca para eu imaginar este espetáculo. Antes deste espetáculo tivemos também palestras em conjunto e íamos às escolas abordar estes assuntos, ela sobre o cancro que teve na adolescência e eu sobre o facto de ter sido o rapaz mais pequeno da minha escola e como é ser adolescente sendo diferente. E, a partir daí, com este contacto direto com o público contando na primeira pessoa as minhas histórias, também já com humor, surgiu a vontade de também transformar isto num espetáculo de comédia para adultos.

Muita gente sofre destas questões que trago à tona e tenho tido feedbacks extraordinários por parte de pessoas que estão neste momento em tratamento para depressões. Houve já quem me dissesse que é mais barato ir a um espetáculo meu do que a uma consulta de psicoterapia. Recebi mensagens mesmo muito bonitas e foi essa a justificação para criar um espetáculo de comédia com esta base.

 

E por falar em humor, o que o despertou para se iniciar neste mundo?

Eu sempre tive uma ligação à comédia. Sou ator há muitos anos, comecei a estudar teatro em 1998 e sempre tive uma apetência para a comédia. Sempre adorei e sentia-me à vontade no mundo da comédia. De início, como ator, entretanto, comecei a testar em stand-up estas histórias que eu tinha vivido na primeira pessoa em bares. E acabou por correr muito bem. Os convites começaram a surgir rapidamente e aí percebi que o feedback do público era bom e apostei desenvolver isto para um espetáculo. E assim foi o início desta aventura.

 

E agora que viaja até à Mealhada, quais são as suas perspetivas para este espetáculo?

Espero que o Ronaldo vá. Ele disse que ia levar a família toda, há um vídeo na internet a comprovar, não sou eu que o digo. É ele. Estou à espera que ele lá esteja juntamente com o clã Aveiro.

Mas verdadeiramente, espero que seja um momento lúdico e divertido para todos os cidadãos da Mealhada durante esta hora de espetáculo.

 

E além de muito riso, o que o público pode esperar?

Pode esperar falar de temas sérios, sem tabus e de forma divertida. Pode esperar ver o crómio também em palco, porque é uma parte importante na minha vida em que eu falo bastante sobre essa altura que tanto me marcou e que as pessoas também relacionam rapidamente quando me vêm. E não vão ficar desiludidos, antes pelo contrário, acredito mesmo que vão ficar surpresos com aquilo que vão ver. 

 

PASSATEMPO

O Jornal da Mealhada, em colaboração com a agência de Tiago Castro – BRAIN Entertainment – vai oferecer dois bilhetes duplos aos dois comentários que conseguirem mais gostos.

O passatempo está a decorrer nesta publicação do Facebook: https://www.facebook.com/photo?fbid=378698107589075&set=pb.100063466662668.-2207520000..