Entrar  |   Registe-se  |   Ajuda
16 Outubro 2018
terça-feira


Apresentação
Estatuto editorial
Ficha técnica
Newsletter
Publicidade
Contactos
Onde Estou? Página Inicial » Actualidade » Noticiário
Pesquisar
CPCJ de Cantanhede promove oficinas sobre Direitos Humanos na Construção da Cidadania
11 Out 2018, 00:00
Galerias Relacionadas:
  0 video(s)
  0 som(s)
  0 documentos(s)
Visualizações: 116
Acessibilidade:

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Cantanhede e a EAPN – Rede Europeia Anti Pobreza Nacional estão a promover oficinas de prática do conhecimento, subordinadas ao tema “Infância e Juventude – A Participação e os Direitos Humanos na Construção da Cidadania”. Neste âmbito, o auditório da Casa de Francisco Pinto, recebeu a segunda e terceira oficinas, que incidiram sobre Coaching Parental/ Family Coaching e sobre os Direitos Humanos, Participação e Cidadania, respetivamente.

Com o objetivo de promover e atualizar conhecimentos, ou tão somente adquirir competências específicas na área social, a CPCJ de Cantanhede está a dinamizar desde maio, com a realização da 1ª oficina, momentos de partilha e debate. Na ótica do presidente da CPCJ de Cantanhede e vice-presidente da Câmara Municipal de Cantanhede, Pedro Cardoso, “é através do conhecimento que é possível produzir mudança, apostar na prevenção e fazer uma maior promoção dos direitos das crianças e jovens”.

Pedro Cardoso chamou ainda à atenção para o facto de que “a realidade social é mutável e os problemas da sociedade vão adquirindo novos contornos, por isso, importa conhecer e adquirir novas metodologias de intervenção, novos modelos, novas estratégias que permitam uma atuação mais eficaz e eficiente”, assim sendo, o presidente da CPCJ de Cantanhede afirmar ser “fundamental promover espaços de intercâmbio desse conhecimento e práticas, pelo que estas oficinas assumem um papel central no trabalho da CPCJ e da entidade parceira a EAPN”.

Assim sendo, a CPCJ de Cantanhede, realizou, em maio, a primeira oficina sobre “Parentalidade Positiva”, dirigida a profissionais de intervenção social e docentes. Agora, na segunda oficina, a tónica foi o “Coatching Parental/Family Coaching”. Esta segunda oficina, dirigida a pais e educadores, foi ministrado por Ângela Coelho no passado dia 3 de outubro. Na mesma data, e no período da tarde, decorreu a terceira oficina, na qual se falou sobre os “Direitos Humanos, Participação e Cidadania” para jovens de contextos educativos desafiantes, através de Sérgio Costa Araújo, no auditório da Escola Técnico Profissional de Cantanhede.

De acordo com a CPCJ de Cantanhede a opção pela metodologia de Oficinas de Prática do Conhecimento, em parceria com a EAPN, vai ao encontro das necessidades, dos técnicos, das famílias e dos jovens, no sentido de promover momentos de partilha e debate reflexivo, como forma de promoção, atualização de conhecimentos e aquisição de competências específicas na área social, introduzindo desta forma o Coaching como uma ferramenta de domínio pessoal.

Tags: CPCJ, Juventude, Cantanhede
Documentos para Download
Notícias Relacionadas
Classifique esta notícia:  Sem classificação
0 Comentário(s)
Videos
Mais comentadas
Mais lidas
Pesquisa de imóveis »
 
Loja
Arrendamento - Remodelado
Coimbra
Coimbra, Santo António dos Olivais
Consultar Imóvel »
Apartamento T2
Venda - Novo
Aveiro
Aveiro, Aradas
Consultar Imóvel »
Quartos   
© 2011 Jornal da Mealhada. Todos os direitos reservados. Política de privacidade Desenvolvido por  Marques Associados Digital Lda.